A terra mexeu-se...

Assim foi em Itália. Um sismo de magnitude 6.3 na escala de Richter, que provocou uma autêntica tragédia na zona de L'Aquila, o que traduzido significa a águia, nome que se quiséssemos daria pano para imensas conversas, mas não é por aí que quero levar-vos hoje...
Centenas de edíficios preservados desde a Idade Média, ficaram totalmente destruidos, sem ser preciso o nosso antigo IPPAR ter alguma coisa a ver com o assunto.
Não fosse pelo óbvio mau gosto, diria que aquele foi apenas uma réplica do sismo que se vive em Portugal de há uns tempos para cá, entre Freeports e casos de políticos que são acusados de crimes e depois os crimes prescrevem, casos de pressões que afinal não o eram e depois se calhar até eram...
Enfim, a Cosa Nostra à portuguesa é sempre mais humilde, mas não deixa de ser um autêntico atentado à nossa natureza...

5 comentarios:

Ferreira-Pinto disse...

Exageras, moça!

Os nossos casos de política, à beira de certas coisas que se passam em Itália, são coisas menores ... digamos que ainda estamos (eles, os políticos) em estágio.

Alguns aprendem é melhor que os outros.

pedro oliveira disse...

diria que o mar está flat!A malta já ninguém liga, é tudo normal.tásse bem.

indomável disse...

Ahahah!
Achas Ferreira-Pinto, que exagero?
Num país como o nosso, tão pequeno, tão à beira do mar, um 6.3 na escala de richter era um diluvio, e o nosso sismo já decorre há anos, não há 20 segundos...

O nosso mar está flat à superfície meu caro Pedro Oliveira, porque existem autênticos maremotos lá onde não os conseguimos ver...

Mas concedo, ao lado da cosa nostra italiana a nossa até é humilde, inocente e ingénua, senão, não teriamos políticos investigados e julgados por corrupção a dizer aos jornalistas que a razão para não ter apresentados as suas declarações de impostos fora porque ninguém o fazia...
Hélas, esta é uma autêntica República das bananas... mas só para os políticos (todos eles, bem entendido...)

António de Almeida disse...

Espero que não aconteça, mas 6,3 na escala de Richter sendo considerado forte, está longe do grau de destruição de 7,5. Estará Portugal, em particular o Sul, supostamente mais vulnerável, preparado para enfrentar uma catástrofe? Tenho sérias dúvidas, a prevenção não rende votos...

DANTE disse...

6.3 não é muito...Reguengos de Monsaraz tem 12.5 ;D

Beijo :)