Evocar uma infâmia

António de Almeida - 20.08.2008


-Passam esta madrugada 40 anos, que os povos Checo e Eslovaco viram as suas liberdades ceifadas e esmagadas pelos tanques soviéticos, a chamada primavera de Praga chegava ao fim, a infâmia e opressão haveriam de continuar até final da década de 80, mas a liberdade acabaria por ser alcançada. O opressor, o império do mal, felizmente já não existe. Uma palavra para Alexander Dubcek, um herói do século XX.

2 comentarios:

lusitano disse...

Mas ainda anda para aí gente que defende a "coisa" e que se pelava por poder proceder assim para demonstrar a sua "razão".

Ainda agora vimos isso, quando foi da libertação de Ingrid Bettancourt!

Sei que existes disse...

Seria óptimo que a liberdade fosse verdadeiramente alcançada por todos!...
Beijo grande