Os comunistas não cessam de me surpreender

António de Almeida -04.07.2008

-O PCP recusou um voto de congratulação pela libertação de Ingrid Betencourt. No país de Chavez, a agência bolivariana de prensa, está preocupada que a operação de resgate possa ter sido ilegal á luz do Direito Internacional. Neste outro artigo afirmam que os reféns estariam prestes a ser libertados, talvez precisassem apenas de esperar mais uns anitos.

3 comentarios:

lusitano disse...

É uma gente? sem classificação...

Tiago R Cardoso disse...

PCP, Chavez e FARC...

CRUZ CREDO !!!!

Pata Negra disse...

Do artigo linkado: "A bancada comunista foi a única que votou contra o documento do PS, PSD e CDS-PP..."
" O voto de congratulação do PCP foi chumbado com os votos contra do PS, PSD e CDS-PP..."
Da contradição uma conclusão: POLÍTICA! O PCP não toca os métodos de uma organização que para fazer a guerra recorre ao rapto de civis! (Seria bom lembrar a declaração de Fidel Castro a propósito deste caso mas isso não convém!) O PS(D)/PP ignora os métodos de um regime que governa a Colômbia sem rei nem rock e que expõe em palco os prisioneiros como um troféu de caça!
É redutor quando se olham os acontecimentos só de um lado: é político!
Um abraço por uma américa latina livre de movimentos terroristas e de regimes colombianos. Um abraço por uma informação livre dos filtros americanos e da literatura romântica que se alimenta da droga!