A pergunta inocente e o autocarro queimado.

Quinttarantino - 24.06.2008

Alguma voz amiga me sabe dizer se já existe alguma investigação em curso quanto ao incidente que envolveu a destruição de um autocarro com adeptos do Futebol Clube do Porto que se deslocaram a Lisboa para ver a sua equipa conquistar mais um ceptro nacional de hóquei em patins?

As suspeitas e os indícios apontam para fogo posto, mas convenientemente nem a nossa Comunicação Social fez grande alarido sobre o assunto nem, ao que consta, se nomeou um magistrado da Procuradoria-Geral da República para investigar.
Critérios jornalísticos e de investigação, presumo.
E nada mais que isso!

10 comentarios:

Tiago R Cardoso disse...

Acções no mínimo estúpidas de gente que não sabe perder.

Mas olha que é em todos os lados, uma vez fui a Fanzeres ver o Hoquei entre a Oliveirense e o Porto, tu tinhas de ver o olhar da claque para o meu carro, só pelo facto de na matricula dizer Oliveira de Azeméis.

Zé Povinho disse...

Todos os excessos e fanatismo merecem reprovação e as consequências estão previstas na Lei, se ela funcionar. Nos futebóis, e infelizmente é o que se vê: houve até agora apenas um condenado, até que se fartou de processos que parece que o vão perseguir por toda a vida, e por isso deu à sola, +elos vistos perante a passividade das autoridades. Outros estão enterrados em processos que não atam nem desatam, apesar de tudo indicar que as conversas telefónicas existiram, e algumas até são públicas.
Justiça? Bem, acredite quem quiser.
Abraço do Zé

Daniela Major disse...

Mas será que a PJ não serve para esses casos? Ou a" equipa conquistar mais um ceptro nacional de hóquei em patins?", merece honras especiais?

quinttarantino disse...

DANIELA MAJOR a menina, se não fosse o seu fanatismo, podia ir longe ... ora, então diga lá porque é que há-de ser a Dra. Maria José Morgado a coordenar tudo o que diz respeito ao Futebol Clube do Porto e aqui não?
Por exemplo ...

Ou, já agora, porque é que a coordenação da investigação aos crimes da noite na área do Grande Porto precisam de ser coordenadas por uma investigadora especial?

Paralelamente, e de forma sintomática, não deixo de notar que consigo se aplica a máxima do "olhai para o que eu digo, não olheis para o que eu faço" ... é que sobre o crime em si, nem um assomo de indignação lhe vi.

António de Almeida disse...

-Terá feito parte da estratégia abaixo para levar o Benfica á Chanpions?
http://br.youtube.com/watch?v=BH8ADuPrmOw

Daniela Major disse...

Fanatismo? Moi?! Estou a brincar. Apenas acho que n me parece que l� por ser o autocarro do Porto, se esteja de alguma forma a descurar a investiga�o.
Acho at� q pensar isso, � ir um bocado longe de mais.

quinttarantino disse...

DANIELA malandra, é o que a menina é!

C Valente disse...

Voltei e passei para deixar as minhas saudações amigas

Carol disse...

Se fosse o autocarro benfiquista, outro galo cantaria... Mas já estamos habituados à ideia de que, perante a lei, uns são mais iguais que os outros.

Adoa disse...

Critérios colorísticos quem sabe?...