Ideias tontas, muito tontas!

Marcos Santos - 23.04.2008

E o padre brasileiro Adelir de Carli de 42 anos, resolveu dar um passeio de balões. Não balões de ar quente, mas balões de festa, feitos em látex.

A idiotice da obra foi tão grande que as penitências por ele passadas ao seus fieis deveriam ser revogadas. Imaginem um religioso pendurar-se em mil balões de gás hélio, com o intuito de entrar para o livro dos recordes, o Guinness Book. (e com o apoio da pastoral)

Equipado com uma cadeirinha, um pára-quedas, alguns celulares (tele móveis), roupa térmica e um aparelho de GPS, alem é claro, dos balões , lá se foi o padre, certo de que seria levado pelos ventos, de Paranaguá no Paraná, até Dourados no Mato Grosso do Sul...

...Pois é... seria.

Sem controle sobre os balões e com o agravante de estar equipado com um GPS que sequer sabia operar, o padre arrogante foi para o mar adentro, ao invés do interior, mais precisamente a 40 Km da costa.

Se pensarmos na possibilidade de que tal idiota poderia ser sugado pela turbina de um avião que por ele cruzasse, chegamos a conclusão do grau de irresponsabilidade de seu ato.

Mais incrível foi notar que nenhuma autoridade ligada a aviação tentou impedir a arriscada aventura, que foi devidamente documentada (a CNN registrou a maluquice).

E o religioso levantou vôo, cheio de fé e autoconfiança. Mas não adiantaram os escapulários, os rosários e o ágnus-dei. O padre dançou. Não se sabe ainda se está vivo ou morto, mas está dando um bocado de trabalho para a guarda costeira, que segue em sua busca desde o domingo passado.

Dado o exposto, não me resta outra alternativa senão, caso o vigário sobreviva, convidá-lo para integrar nosso blog, como titular absoluto e exclusivo, no quesito “Idéias tontas”.

E põe tonta nisso!

8 comentarios:

Tiago R Cardoso disse...

No mínimo um ideia tonta, 40 kms, sim senhor que bela viagem

Realmente ai está uma viagem diga-na de nota, com cobertura pela CNN e pelos vistos com a "cumplicidade" das autoridades.

Marcos, nós somos assim para ideias tontas, mas este exagerou.

joshua disse...

«Não tentarás o Senhor, teu Deus!» O gesto eufórico e estulto de esse padre foi um atirar-se do Pináculo do Templo na expectativa de que um anjo do Senhor o protegesse de magoar o pezinho. Não estatuto nem posição que nos proteja da nossa própria arrogância. Oh, Tonteria!

Scriptvs est! Está escrito.

PALAVROSSAVRVS REX

quintarantino disse...

Marcos, amigo, de facto, esse aí se estiver vivo "da silva" ganha direito a postar aqui suas aventuras!

Estaria ele tonto ou apenas a pensar numa pequena nota solta quando se meteu nessa?

Carol disse...

Marcos, dê-me o contacto desse homem!
Se ele sobreviver, gostaria que convidasse alguns candidatos a líder de oposição ( e quiçá do próprio governo) a embarcar numa viagem dessas... De preferência, sem volta!! ;)

Denise BC disse...

Esse religioso realmente abusou das "idéias tontas", mas de acordo com a mídia ele é uma pessoa bastante arrogante e não estava a escutar ninguém, daí a aventura boba e perigosa.
Como já havia feito isso anteriormente com 500 balões de festa, com certeza, achou que com "Mil balões" a façanha seria a glória, com isso desconsiderou informações preciosas e fundamentais como: rotas de aviões, mudança de tempo, equipamentos de segurança, regras de baloeiros e o mais incrível levou o equipamento de localização (GPS) sem saber operar.
Haja fé para sustentar tanta asneira.
Bjs,
Denise BC

Marcos Santos disse...

Meus amigos

Gostei muito dos comentários.
Atá agora, 12:44 de 23/04/2008, o padreco não foi encontrado. Segundo pude entender, o moço estava confiante demais e dispensou maiores explicações de como operar o GPS, o que facilitaria para um resgate rápido. Quando estava prestes a subir, teria dito que Deus estaria com ele e que não precisaria utilizar tanto aparato.

Bem, como os tubarões, orcas e outras feras da natureza, são todas criaturas de Deus, acredito que ele esteja "bem".

quintarantino disse...

... hum, em jeito de comentário sarcástico, isso é que era ter Fé!

bluegift disse...

Já lá diz o velho ditado: "fia-te na Virgem e não corras"!