O opróbio do chocolate

Conhece ou já ouviu falar no Protocolo do Cacau?
Pois, eu também não. Até ontem.
Repimpado no sofá, andava para ali com o dedo a escorregar de tecla em tecla e os canais a mudarem.
Isto por volta das 20.30 horas. A BBC World inicia uma reportagem intitulada “Our World: bitter sweet”.
Ponho-me a ver e descubro que o tal protocolo foi quase imposto às multinacionais do chocolate e afins graças à acção do congressista democrata Eliot Engil.
Para quê?
Por exemplo para tentar a erradicação da escravatura infantil nas plantações de cacau em África, nomeadamente na Costa do Marfim.
E eu ali posto, espantado, a pensar que até o chocolate está manchado com a desonra do capitalismo selvagem e a nossa indiferença. Ou que andaram os nossos antepassados a lutar contra o esclavagismo para hoje fazermos de conta.
Ante isto, só me resta perguntar: alguém sabe ou conhece a loja de comércio justo mais próxima?

3 comentarios:

manuel antónio disse...

Vou deixar-me de comer M&M´s...

Tiago R Cardoso disse...

Hoje em dia capitalismo tem muitos sinónimos um deles é indiferença, algum problema que esteja a milhares de kms de distancia não interessa, a distancia apaga o trabalho infantil, a escravidão, a fome...

damularussa disse...

Continuamos a olhar para o lado a muita coisa, num manifesto de indiferença, que quanto a mim, não passa de vergonha.
Estranhas as formas de expressar repulsa ..enfim..
Carissimo, infelizmente até o chocolate está manchado, para gáudio de muitas "lexívias"

Cumprimentos (bom fim de semana)